Seu navegador não suporta javascript!
Ministério Público do Estado de Mato Grosso
Página Inicial
 
Intranet
Acessar Intranet
MP na Mídia
23.11.17 10h42
Operação apreende 6 aeronaves agrícolas
23.11.17 10h38
8 aeronaves são interditadas em MT
22.11.17 09h52
MP pede alterações na concessão de incentivos fiscais no Estado
31.10.17 13h17
MP investiga gastos com fardamentos
31.10.17 13h14
MP marca audiência para resolver problema de som alto

Mais MP
Intranet
Acessar
Tamanho A A
CUIABÁ

MPE entra com ação pedindo a demolição de muros e guarita em 4 ruas do Jardim Itália

Por JANÃ PINHEIRO
Terça, 14 de novembro de 2017, 09h40

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso ingressou com ação civil pública pedindo que a Justiça determine a desobstrução das ruas Veneza, Modena, Ancona e Verona, no bairro Jardim Itália, em Cuiabá, com a demolição dos muros e guarita construídos no local. A ação foi proposta pela 17ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística e do Patrimônio Cultural de Cuiabá, contra 48 moradores residentes nas referidas ruas, que reuniram-se e formaram uma associação denominada “Residencial Itália Sul”.

Com o objetivo de reduzir o índice de crimes no local, os moradores construíram um muro de alvenaria fechando a rua Verona, na esquina com a rua Veneza, outro na rua Modena, esquina com a rua Verona, outro ladeando a rua Verona no trecho entre esses dois pontos, e um portão com a guarita na esquina das ruas Modena e Veneza, único acesso à área.

“Dessa maneira, os moradores se apropriaram ilicitamente da Rua Ancona, Veneza e Modena em sua integralidade e de trecho significativo da rua Verona, bens de uso comum do povo, cerceando direitos constitucionais aos demais cidadãos, como a liberdade de locomoção e o direito ao meio ambiente urbano equilibrado, regido pelas normas em vigor”, ressalta na ação o promotor de Justiça, Gerson Barbosa.

Os moradores impetraram mandado de segurança, com pedido liminar, visando impedir a derrubada dos muros pelo poder público. A liminar foi parcialmente deferida, mas o mérito foi julgado improcedente e a ordem denegada.

“De acordo com as declarações prestadas em audiência e relatadas no mandado de segurança, todos os moradores envolvidos consentiram com o ilícito e contribuíram custeando as obras, motivo pela qual foram inseridos no polo passivo da ação. O direito individual de ir e vir é o mínimo que precisa ser garantido nas vias públicas, mas, no caso em tela, tem sido desrespeitado”, destaca o promotor de Justiça.

Na ação, o promotor requer, além da demolição dos muros e da guarita, que os moradores paguem uma indenização, em favor da sociedade, pelos danos causados “levando em contra o tempo em que as ruas não atendem ao fim a que se destinam”.

 
Compartilhe nas redes sociais
e-mail facebook twitter


Confira também:
23.11.17 14h52 » MPE promove “II Mostra Anual” em Nova Mutum
23.11.17 08h48 » MPE oferece denúncia contra 99 pessoas por venda de carteira de habilitação em municípios de MT e GO
22.11.17 17h38 » Conselho Superior do Ministério Público divulga lista de inscritos
22.11.17 08h06 » Mais de 3 mil litros de agrotóxicos e 6 aeronaves são apreendidos no 2º dia de fiscalização em MT
21.11.17 16h52 » FESMP abre processo eleitoral para escolha de novo diretor-geral
21.11.17 16h46 » Promotores de Justiça e juízes de Direito definem propostas para agilizar a adoção em Mato Grosso
21.11.17 14h54 » Liminar concedida ao MPE determina indisponibilidade de bens de presidente do Sindicato Rural
21.11.17 09h42 » Ministério Público Estadual lança “Carta de Serviços” ao Cidadão
20.11.17 09h15 » MPE propõe ações contra 220 invasores de Áreas de Preservação Permanente em Cuiabá
17.11.17 10h57 » MPE doa veículos, móveis e equipamentos de informática para Conselhos Tutelares de Cuiabá
17.11.17 10h35 » Conselho Superior do Ministério Público divulga três novos editais
16.11.17 10h36 » MPE notifica município para que defina regras referentes à autuação de atos infracionais e de indisciplina cometidos por alunos
16.11.17 10h35 » MPE pede e Justiça indisponibiliza bens de fazendeiro por crime ambiental
14.11.17 15h48 » MPE, Vigilância Sanitária e parceiros realizam operação e interditam comunidade terapêutica
14.11.17 10h50 » MP/MT adere ao Sistema de Localização e Identificação de Desaparecidos





youtube facebook facebook RSS








Galeria de Fotos
Mais Fotos
Entrevistas
Entrevistas
Buscar
Agenda e Eventos
Encontro Estadual do Ministério Público e Movimentos Sociais
Data: 30.11.2017
Informações: (65) 3613-5282
Regularização Fundiária Urbana: quadro atual e perspectivas a partir da Lei 13.465/2017
Data: 30.11.2017 - 01.12.2017
Informações: (65) 3613-5285
I Mostra Estudantil de Teatro
Data: 05.12.2017
Informações: (66) 3401-5276
Mais Agenda

Defender o regime democrático, a ordem jurídica e os interesses sociais e individuais indisponíveis, buscando a justiça social e o pleno exercício da cidadania.

» A Instituição » Teclas de Atalho » Corregedoria-Geral
» Acessibilidade » Projetos » Controle Interno
» Concursos » Departamentos » Gestão Ambiental - MP Sustentável
» Legislação » Licitações » Links
» Lotacionograma » Notícias » Órgãos Auxiliares
» Planejamento Estratégico » Portal Transparência » Procuradorias de Justiça Especializadas
» Publicações DOE » Todos Contra as Drogas » Terceiro Setor

Procuradoria Geral de Justiça

Rua Quatro, s/nº

Centro Politico e Administrativo - Cuiabá/MT

CEP: 78049-921

Fone: (65) 3613-5100


Sede das Promotorias de Justiça da Capital

Av. Desembargador Milton Figueiredo Ferreira Mendes, s/nº

Setor D - Centro Politico e Administrativo - Cuiabá/MT

CEP: 78049-928

Fone: (65) 3611-0600

Horário de atendimento ao público externo e protocolo: 08h às 18h

Ministério Público do Estado de Mato Grosso - Procuradoria Geral de Justiça