Ministério Publico do Estado de Mato Grosso

POLO DE TANGARÁ DA SERRA

Adequação e reforma de Promotorias são apresentadas em reunião

por CLÊNIA GORETH

terça-feira, 08 de outubro de 2019, 14h02

As pendências foram regularizadas e a sede das Promotorias de Justiça da Comarca de Tangará da Serra já está com o alvará do Corpo de Bombeiros. A regularização foi uma das demandas apresentadas na primeira visita da Comissão de Apoio Institucional, ocorrida no primeiro semestre deste ano. A Procuradoria-Geral de Justiça também adquiriu e entregou os equipamentos de combate a incêndio e pânico para regularização das Promotorias de Justiça de Campo Novo do Parecis, Barra do Bugres, Diamantino e Sapezal.

Em Campo Novo do Parecis, 63,32% do contrato para reforma e ampliação da sede já foram executados. A unidade passará a contar com auditório com capacidade para 45 lugares. Em Barra do Bugres, a reforma também está adiantada, com 78,66% dos serviços concluídos. As boas notícias foram repassadas pelo secretário-geral do Ministério Público, promotor de Justiça Milton Mattos Silveira, em reunião realizada nesta terça-feira, nas Promotorias de Justiça de Tangará da Serra.

Durante o encontro, conduzido pelo procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, com a participação de 12 promotores de Justiça, também foram repassadas informações e esclarecidas dúvidas sobre o funcionamento dos Centros de Apoio Operacional (CAOs) e do Centro de Apoio Operacional do Conhecimento e Segurança da Informação (CAOP/CSI). A revisão do Planejamento Estratégico da Instituição também integrou a pauta de discussões. 

O coordenador das Promotorias de Justiça de Tangará da Serra, Thiago Scarpellini Vieira, ressaltou a importância da aproximação entre a Procuradoria-Geral de Justiça e as Promotorias localizadas no interior do estado. “Durante muito tempo, nós cobramos e pedimos essa presença de toda a equipe da Procuradoria-Geral de Justiça junto aos promotores do interior e dos polos com a finalidade de melhorarmos os serviços prestados à população. Agora, com essas novas ferramentas que foram criadas, a exemplo do Portal de Apoio à Investigação (PAI), e também o novo Planejamento Estratégico, é muito importante essa aproximação para que possamos então colocar em prática essas melhorias visando sempre prestar um bom serviço à sociedade”. 

O coordenador das Promotorias de Justiça de Campo Novo do Parecis, Luiz Augusto Ferres Schimit, também fez uma avaliação positiva do encontro. “A vinda do procurador-geral de Justiça acompanhado de sua equipe, que se desloca da capital para o interior, facilita a vida do promotor de Justiça do interior e proporciona um contato mais pessoal com a administração superior”, disse. 

Galeria de imagens
Compartilhe nas redes sociais
facebook twitter
topo